Beja é, a partir de hoje e até sábado(6 a 9 de maio de 2015) o palco da Festa do Azulejo.

A iniciativa é da responsabilidade da Associação de Defesa do Património de Beja (ADPBeja) e integra o projecto Arte Azulejar de Beja, aprovado e financiado pelo programa Inalentejo.

A Praça da República recebe hoje cerca de 2 mil alunos que vão formar o “maior tapete de desenhos de azulejaria dos últimos séculos”. O trabalho foi desenvolvido ao longo do ano no seio da comunidade escolar através do estudo desta arte e posterior recriação dos azulejos.

O projecto abrange também quatro exposições, patentes no Museu Regional, no Teatro Pax Julia e na Casa do Cante, o lançamento de um livro com o nome do projecto, a apresentação de duas rotas turísticas e um desfile de moda com peças inspiradas na azulejaria de Beja.

As diversas actividades acontecem na Praça da República, na Igreja da Misericórdia, no centro histórico, no Museu Regional de Beja, no Teatro Pax Julia e na Casa do Cante.

Florival Baiôa, presidente da ADPBeja, diz que o trabalho que culmina com esta Festa decorre já “há anos”. Sobre as rotas turística, Florival Baiôa quer que o turismo “participe no desenvolvimento da região”.

A iniciativa conta, entre outras, com a colaboração do projecto SOS Azulejo, do Museu da Polícia Judiciária, uma vez que o roubo e o vandalismo dos painéis são os grandes problemas com que se debate a arte azulejar nos dias de hoje.

Materiais sobre a Festo do Azulejo de Beja

CLIQUE NA IMAGEM PARA VER AS FOTOS:

 

 

VIDEO FESTA DO AZULEJO:

Video com a apresentação da Arte Azulejar de Beja.